Associação dos Cabos e Soldados da PMESP

A VALORIZAÇÃO DO PM É NOSSA META

REGIONAL DE SANTOS

A Regional ACS Santos está a 65 Km da Capital. Ela foi inaugurada em 15/11/1961.
A Associação dos Cabos e Soldados da PMESP, Regional 04, atende em sua Sede Própria que fica na Avenida Senador Dantas, nº 318 - Bairro Macuco  -  Santos/SP -     Cep: 11015-210
Tel(13)3227-0881 
(13)3227-4192

Exibir mapa ampliado

_________________________

DIRETORIA    REGIONAL                      DE SANTOS

Presidente:-

Sérgio Caldas Santana

Secretário:-

Nelson Pinto Rema Junior
Tesoureiro:-

Washington Ribeiro Gama


Suplentes:-

Samuel Ramos Amaral
José Carlos Fortunato Pereira Filho

_________________________

 

No dia 15 de Novembro de 2011, a Regional de Santos da ACSPMESP completou 50 anos. Veja a matéria completa

BENEFÍCIOS

LAZER

______________________

CONVÊNIOS

__________________________

JURÍDICO

TROPA DE ELITE

Nossa equipe de Diretores e funcionários _____________________

COOPERACS

São inúmeros os benefícios de fazer parte da Cooperativa, entre eles taxas e juros mais baixos para empréstimos, melhores prazos e condições, além de atendimento diferenciado, pois conhecemos bem as necessidades do policial militar, seja ela poupar, adquirir um bem (compra cooperada) ou alcançar o equilíbrio financeiro.

Oferecendo grande parte dos produtos financeiros disponibilizados pelos bancos, a cooperativa fornece também seguro de vida e auxílio funeral sem custo adicional, entre outros.

maiores informações pelo tel      (13) 3227-0022 ou 3227-0881

endereço: Av. Senador Dantas, 318 - Santos. 

http://www.cooperacs.com.br

____________________

PEC300
Representantes da Regional de Santos em Brasília

Sabendo da importância de cobrar os responsáveis pela aprovação, a Associação de Cabos e Soldados se fez presente, mobilizando um grande número de diretores e associados de todo o estado, entre eles o associado convocado da Regional de Santos, Soares e o Sr. Fraga, membro da Comissão de Inativos.
_____________________

Fórum

NOTA DE ESCLARECIMENTO 24 respostas 

Iniciado por ACSPM - R/4 em Não-categorizado. Última resposta de Jandira Primiano da Silva 10 Jul.

Esclarecimentos a respeito das ações 1 resposta 

Iniciado por Regional Santos em Não-categorizado. Última resposta de Jandira Primiano da Silva 3 Jul.

Associado conheça os seus benefícios!

Iniciado por Regional Santos em Não-categorizado 6 Fev.

ACS DISCUTE COM GOVERNO QUINQUÊNIO E SEXTA-PARTE 12 respostas 

Iniciado por ACSPM - R/4 em Não-categorizado. Última resposta de Márcio de Jesus 29 Nov, 2013.

Mensagens de blog

ESCLARECIMEMNTO

Postado por Jose Maria deAndrade Andrade em 29 julho 2014 às 15:30

ESCLARECIMENTO

Postado por Jose Maria deAndrade Andrade em 12 abril 2014 às 20:27

Comprimentos

Postado por Angelo Sotelo Junior em 25 março 2014 às 11:51

Grupos

Badge

Carregando...
 

Membros

 Segundo Sérgio Santana, o Estado de São Paulo precisa agir antecipadamente antes que aconteça uma tragédia maior em Santos e região. A tropa reconhece que é preciso a contratação de novos profissionais , pois só os equipamentos não bastam. Os Bombeiros estão se esforçando para atender a demanda, mas a situação está atingindo um limite perigoso. Fica o alerta para o Governo e a sociedade.

__________________________________________________

Caros Associados:

No último dia 03/07/2014, o Excelentíssimo Juiz da 7ª Vara da Fazenda Pública do Estado de São Paulo, reconheceu em concessão de segurança, determinando que se apostile de imediato os  respectivos direitos, dado o caráter alimentar do crédito, para que se corrijam as folhas de pagamento de todos os associados, afim de acrescer o percentual de 7,9716% sobre o salário Padrão, o RETP e os respectivos adicionais temporais (quinquênio e sexta parte). O pagamento devido, não incidirá retenção de Imposto de Renda e deverá ser feito em folha de pagamento em uma única vez.

É importante salientar que em decisão de 1ª instancia, cabe recurso por parte do Estado, mas mesmo assim, não deverá subir ao STF (Supremo Tribunal Federal) e STJ (Supremo Tribunal de Justiça)  porque o STF já decidiu em Repercussão Geral que o Estado de SP não fez a conversão da forma correta como determinava a Lei.

Portanto, senhores associados, em breve estaremos colhendo os frutos de mais esta vitória.

_______________________________________

  • A Assembleia Legislativa aprovou nesta quarta-feira, dia 2 de julho, o aumento de 8% aos Policiais Militares do Estado de SP.

A  Associação dos Cabos e Soldados da PM de SP  lamenta esse reajuste insignificante e as respostas serão dadas nas urnas, no dia 5 de outubro.

A ACS lutou por uma reposição salarial de 19%, mas, infelizmente, os Policiais Militares irão receber menos da metade do valor pedido.

 Texto: Jornalismo Cabos e Soldados

____________________

Manifestação por melhores salários

Realizamos na tarde de quarta-feira (4), uma manifestação em frente ao estádio  Itaquerão com o objetivo de reabrir as negociações com o governo que, após várias reuniões entre as entidades representativas e o secretariado, decidiu não dar o reajuste salarial em 2014 para a corporação, diferente da proposta de 19% que foi  apresentada pela CERPM( Coordenadoria das Entidades Representativas da Polícia Militar do Estado de São Paulo)

Vários ônibus saíram da sede da Associação dos Cabos e Soldados lotados e seguiram em direção ao Itaquerão. Defronte ao estádio reunimos cerca de duas mil pessoas, entre Policiais Militares, pensionistas, aposentados e familiares de todas as partes do Estado. Mais fotos

_________________________

Governo sofre mais uma derrota no STF em relação as Ações do Quinquênio e Sexta-Parte

A Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar do Estado de São Paulo, através do presidente, Cabo Wilson Morais, consegue mais uma vitória nas Ações do Quinquênio e Sexta-Parte, que se encontra no Supremo Tribunal Federal (STF).

 No dia 18 de março, o STF decidiu que não irá receber mais recursos de Ações de 5ª e 6ª parte, por se tratar de matéria infraconstitucional, com Legislação Estadual.

Com isso, o Dr. Negri (advogado) já está peticionando para o STF, com base nesta decisão, que seja devolvido o processo que se encontra naquele Tribunal. Além disso, está peticionando também para o TJSP, informando da decisão do Supremo.

Nos próximos meses, irá ocorrer o Trânsito em Julgado. Em seguida, voltará os cálculos nos holerites da forma que era feita antes da Liminar do Governo do Estado. Ao final, pediremos o pagamento dos 28 meses de atrasados, conforme Ofício que já havia sido expedido pela 8ª Vara da Fazenda Pública e iniciaremos de imediato a execução dos últimos 5 anos. Ou seja, de 2003 a 2008.

Senhores associados, agradecemos a compreensão, paciência e a confiança que todos vocês tiveram com esta Diretoria, presidida pelo Cabo Wilson Morais.

Presidente

______________________________________________________

Ass. dos Cabos e Soldados ainda aguarda resposta do governo sobre reajuste salarial da PM

Como foi divulgado anteriormente, houve uma reunião no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo,  onde foram apresentadas as perdas salariais dos Policiais Militares dos últimos anos e o Governo deu justificativas sobre o impacto do aumento de 19% no orçamento do Estado.

Porém, a Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar do Estado de São Paulo ainda não obteve resposta por parte do Governo do Estado sobre o reajuste salarial da PM.

Aguardamos uma decisão final o mais rápido possível.

______________________________________________________

Associação dos Cabos e Soldados da PM de SP ganha Liminar para o Concurso Interno de Seleção para o CFS-I/14

No dia 06 de fevereiro, quinta-feira, o Tribunal de Justiça concedeu a Liminar para o Concurso Interno de Seleção CFS-I/14.
O Concurso foi prorrogado por mais 10 dias, para que todos os Cabos independentemente do tempo de função possam participar do processo seletivo para formação de Sargento.
Porém, a Liminar permite a inscrição dos Cabos da PM que estejam no serviço independentemente do tempo nessa função, desde que comprovem ter pelo menos 5 anos como Soldado.
Esclareço que as inscrições previstas no Edital ficam prorrogadas para o dia 28/02/2014, sexta-feira, até às 16h00.
A ordem já foi transmitida via e-mail para o Comando Geral, Secretaria de Segurança, VUNESP e Juíza da 6ª Vara.
Associado, faça sua inscrição o mais rápido possível. Não deixe para a última hora.


Cabo Wilson Morais, presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar do Estado de São Paulo.

 _______________________________________________________

_________________________________________________

A AÇÃO DO RECÁLCULO QUINQUENAL E DA 6ª PARTE :

A ação continua no STF (Supremo Tribunal Federal), está demorando para ser julgada porque não se tratava mais nada além do julgamento do Mensalão, estivemos recentemente em Brasília onde conseguimos falar com alguns Ministros e com assessores de outros, pedindo que houvesse um empenho em Julgar o mais breve possível a LIMINAR que o Governo de SP conseguiu, afim de suspender os pagamentos que encontrava-se em pleno vigor, obtivemos como respostas que agora com o final dos recursos do mensalão, a prioridade do STF, será julgar tudo aquilo que ficou pendente durante esse período e que a nossa Ação será uma delas. A nossa Ação já se encontra Conclusa para sentença, ou seja, esta pronta para entrar na ordem dia, para ser julgada. Esclareço ainda que estamos esperançosos, porque todas as Ações idênticas a nossa que foram julgadas pela maioria dos Ministros do STF, tiveram resultados iguais, qual seja, os Ministros Relatores mandaram devolver os processos para o Estado, alegando e fundamentando que a matéria é infraconstitucional, ou seja, a matéria é local, devendo ser discutida em âmbito de Estado.

 

 ALÉM DESSA AÇÃO A ASSOCIAÇÃO TEM OUTRAS?

Nós temos a Ação da URV, do RETP, do ALE, da GAP, do Abono Permanecia e incorporação dos 100% do ALE sobre o padrão.

 

MAS O QUE É CADA UMA DESSAS AÇÕES ?

Ação da URV, em novembro de 2008 a ACSPMESP propôs duas ações contra o Estado, uma em favor dos policiais associados e outra em favor das pensionistas, visando à devolução dos valores referentes às perdas salariais decorrentes da conversão em URV, devidamente corrigidas. Ambas foram julgadas improcedentes em 1.ª instância e se encontram no Tribunal de Justiça, uma delas suspensa desde 08/08/2012, aguardando a decisão do STF sobre a matéria.

A imprensa em geral noticiou o julgamento de uma ação oriunda do Estado do Rio Grande do Norte, onde o STF determinou, por unanimidade de votos, o pagamento das perdas salariais dos servidores que tiveram os vencimentos convertidos por meio de lei estadual na ocasião da mudança do cruzeiro real para a URV.

Nesse julgamento o STF considerou inconstitucional a lei estadual do Rio Grande do Norte, aplicada para a conversão dos salários, sob o entendimento que a competência para fixar critérios de conversão para a moeda é da União e que qualquer lei estadual ou municipal que estabeleça forma de conversão é inconstitucional. Com isso, os Ministros do STF reconheceram a repercussão geral, o que significa que a decisão valerá para todos os processos que discutem a questão da URV.

Com a comunicação oficial dessa decisão aos Tribunais Estaduais, a inconstitucionalidade da lei estadual se aplicará aos processos em andamento, retornando às respectivas varas de origem, onde os valores serão apurados na fase de execução da sentença.

Os associados serão comunicados oportunamente sobre os trâmites judiciais.

 

A Ação do RETP visa retirar o RETP da base de cálculos, se ganharmos essa ação o Imposto de Renda, tende a diminuir ou ate extinguir, pois, o RETP não será mais calculado e daí a alíquota pode diminuir e as vezes o associado pode até deixar de pagar Imposto de Renda.

 

A Ação do ALE, é uma ação de 2011 onde pedíamos a equiparação do ALE dos praças com o dos oficiais, foi denegado a segurança e a mesma se encontra com Recurso Especial.

 

A Ação da GAP, é uma Ação de 2001 que pedia a incorporação da GAP aos vencimentos dos inativos, ganhamos essa Ação em 2007 e em 2008 o Governo incorporou esse valor de R$100,00, metade no padrão e metade no RETP, mas mesmo assim ficou os valores atrasados para serem pagos, como a Ação era coletiva, nós começamos a execução individual em 2008, mas eles alegaram que havia recurso especial no STJ e STF, daí buscamos resolver essas pendências no STJ e STF onde foi transitado em julgado em ambas as instancias superiores, a partir daí juntamos o Transito em Julgado na 10ª Vara da Fazenda Publica, onde esta sendo feito a ação de execução. Em contatos constantes com o Juiz da 10ª Vara, ficamos sabendo que já foi solicitada a planilha de cálculos ao CIAF da PM, para serem apresentados os cálculos atualizados. Após isso acreditamos que o Juiz da 10ª Vara irá começar a liberar os valores devidos aos nossos associados.

Dúvidas entrem em contato com o Dr. Daniel (Setor Jurídico da Sede) responsável pela execução.

 

A Ação do Abono permanecia, é uma ação coletiva recente que visa beneficiar o policial militar da ativa, que completou os 30 anos de serviço e que por motivos pessoais continua no serviço ativo, no caso de êxito e concessão da LIMINAR, nosso associado poderá fazer uso desta Liminar e com isso ter devolvido em seu holerite mensalmente o valor da PREVIDÊNCIA descontado.

 

A Ação do ALE que já foi protocolada, visa à incorporação do antigo ALE na totalidade, ou seja, 100% sobre o padrão e não da forma com que foi feita pelo Governo do Estado que aproveitou somente 50% sobre o Padrão. Esta Ação irá beneficiar em muito o nosso associado, pois fará a devida correção em seus vencimentos, mas esta é uma ação que irá até os tramites superiores, por se tratar de matéria constitucional.

 

 

Marcelo Camargo

                                                                                                Diretor Jurídico

No dia 03 de Janeiro, o Deputado Federal Nelson Marquezelli (PTB-SP) visitou a Sede da Regional de Santos da Associação dos Cabos e Soldados da PMESP, a convite do Presidente Regional Sérgio Santana, que também é Vereador em Santos. Durante a visita, o Deputado mencionou a sua luta para trazer recursos à nossa região, com destaque para o setor pesqueiro e transporte rodoviário de cargas.
Santana explicou ao deputado a importância da PEC 300, que cria um piso nacional para bombeiros e policiais militares e o Deputado citou que realmente foi convencido pelo Vereador Santana, e que em Brasília dará total apoio à categoria, em especial na questão da PEC 300. “ SEREI MAIS UM SOLDADO NESTA LUTA” disse o Deputado.
Após o encontro, Nelson Marquezelli e Sérgio Santana concederam entrevistas a diversos veículos de imprensa.

_____________________________________________________

CANIL DA POLÍCIA MILITAR

SETORIAL  SANTOS 

15 ANOS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO NA BAIXADA SANTISTA

No dia 21 de Dezembro de 2013, o Canil da Força Tática do 6º BPM-I comemorou 15 Anos de prestação de serviço à Comunidade Santista. Para celebrar a data ocorreu uma demonstração na Praça Fonte do Sapo em Santos, sendo realizadas diversas demonstrações: de obediência (adestramento), funções de faro que envolve a localização de drogas, pista de obstáculos e aplicação policial, abordagem em suspeitos e práticas de ataque e imobilização.

O trabalho dos policiais em conjunto com os cães bem treinados, constitui uma ferramenta de segurança com inúmeras vantagens, garantindo assim a proteção da comunidade e do patrimônio público.
O presidente da Regional de Santos da Associação dos Cabos e Soldados, Sérgio Santana, prestigiou o evento ao lado do comandante da Força Tática, Capitão PM. Washington.

Polícia Militar não prejudicará à Sociedade

Cabos e Soldados apoia à continuidade da mobilização

Texto: Luiz Paulo S. Marcelino

Em reunião na última sexta-feira, 01 de Novembro, as 17 Associações que integram a Coordenadoria das Entidades Representativas dos Policiais Militares do Estado de São Paulo, entre elas os Cabos e Soldados, decidiram não apoiar nenhum movimento de paralisação dos policiais paulistas, apesar da maneira discriminatória como o Governo reajustou o salário da Polícia Militar, que teve o menor índice de aumento entre todas as polícias do Estado.

A Coordenadoria resolveu pela continuidade da mobilização, com novas estratégias para informar a população de São Paulo e a imprensa sobre a maneira injusta como está sendo tratada a Polícia Militar em relação às outras carreiras de policiais do Estado.

“Se a Polícia Militar parar de trabalhar, o único prejudicado será o cidadão. A população não pode pagar o preço do descaso com que o Governo e a Assembleia nos trataram na votação do projeto”, disse Ângelo Criscuolo à imprensa, ao final da reunião.

O Presidente da Coordenadoria convocou uma nova reunião dentro de 10 dias para apresentar um plano de ações que demonstrem claramente à sociedade o descontentamento da Corporação e a importância da Polícia Militar,

“A única instituição que se mantém firme na manutenção do estado de direito”, completou Ângelo Criscuolo.

________________________________________________

Milhares de Policiais Militares da Ativa, Veteranos e Pensionistas participaram da carreata em prol de reajuste salarial mais justo. Desde a manhã de terça-feira, 22, já havia grande concentração de pessoas na sede da Associação dos Cabos e Soldados e, às 13h30, uma enorme carreata saiu da Barra Funda rumo à Assembléia Legislativa, no Ibirapuera. O tráfego ficou congestionado nas principais avenidas que a carreata passou, a exemplo das Avenidas Marquês de São Vicente, Tiradentes, 23 de Maio e adjacências. Na última terça-feira estava para ser votado o o Projeto de Lei Complementar nº 33, de 2013, de autoria do Governo do Estado, que dispõe sobre a classificação dos vencimentos dos integrantes da Polícia Militar, que trata do aumento linear de 7%.  A exemplo dos Cabos e Soldados, as demais entidades de classe fizeram convocação geral para mostrar aos parlamentares a luta pela necessidade de valorização do Policial Militar, e revelar a insatisfação de toda uma classe de trabalhadores e angariar simpatizantes da causa, entre os quais os deputados. Todas as regionais da Associação dos Cabos e Soldados se fizeram presentes, para reforçar o movimento. O plenário da Assembleia Legislativa de São Paulo lotou e a manifestação foi geral. A votação do projeto do Governo do Estado, que prevê aumento de 7% para a categoria, conseguiu 36 votos a favor e outros 16 contra. Para aprovar ou rejeitar o projeto seriam necessários pelo menos 48 votos, a maioria simples do total de deputados. Policiais Militares que estavam na galeria do plenário comemoraram o adiamento da votação. A proposta reajusta os vencimentos dos policiais militares em 7%, não retroativo. A categoria quer 15% de reajuste neste ano e de 11% em 2014. As bancadas do PDT, do PT, do PCdoB e os deputados Edson Ferrarini (PTB), Osvaldo Vergínio (PSD) e Pedro Tobias (PSDB) votaram não ao PLC 33/2013. A votação foi realizada após intenso debate sobre o projeto entre deputados favoráveis à proposta, e os que defenderam sua rejeição ou o acolhimento de emendas, entre elas o efeito retroativo do reajuste a março de 2013, data-base da categoria. As galerias do plenário Juscelino Kubistchek ficaram lotadas, assim como o plenário Franco Montoro, com representantes da Polícia Militar que defendiam a retirada do projeto. Eles trouxeram faixas com suas reivindicações. O deputado Major Olímpio (PDT) foi enfático em pedir a rejeição da proposta, já que o governo não concordou em retirá-la e dialogar com a categoria a fim de atender a reivindicação dos 15% agora e 11% em 2014. O deputado José Zico Prado (PT), líder da Minoria, defendeu, assim como Alcides Amazonas (PCdoB) e Carlos Giannazi (PSOL), que o governo elabore uma política salarial para todos os servidores públicos, inclusive para os policiais. Disseram ainda que o governo não dialogou com a categoria para incluir no projeto suas reivindicações. Eles também defenderam a aprovação das emendas apresentadas por suas bancadas, mas que foram rejeitadas pelo Plenário. O deputado Fernando Capez (PSDB) causou tumulto na galeria ao afirmar que, constitucionalmente, as emendas parlamentares não podem gerar despesas ao Orçamento do Estado. Ele debateu com a plateia e foi vaiado ao declarar que é melhor 7% agora, para buscar depois os acréscimos desejados. O mesmo aconteceu com o deputado Campos Machado (PTB), que defendeu a aprovação da proposta de acordo com texto original enviado pelo Executivo. O deputado Carlos Bezerra, líder do PSDB, informou que o governador, por decreto, irá reajustar a diária de alimentação para R$ 540. Bezerra disse também que além dos 7% do aumento que beneficiam todos os policiais militares, o governo elevará o teto do auxílio alimentação, além de já ter concedido promoção a 21 mil soldados. O deputado Edson Ferrarini (PTB) esclareceu porque os deputados, que apoiavam as reivindicações dos policiais militares, obstruíam a sessão: “para dar tempo de tentar uma negociação entre os líderes e o governo”. Ele relatou encontro entre 17 entidades das categorias da PM e o governo, quando foi exposto ao governador Geraldo Alckmin a discordância da corporação com o reajuste dos 7% para eles, enquanto delegados, escrivães e investigadores receberão, com a provável aprovação dos PLCs 43 e 44, aumentos mais expressivos.  Pedro Tobias (PSDB) afirmou não concordar com aumentos diferenciados a favor de policiais civis, excluindo policiais militares. “Se tem quem mereça aumento diferenciado é o policial militar, que é quem morre quando o PCC ataca”, enfatizou. Luiz Cláudio Marcolino, líder do PT, afirmou que há recursos de R$ 4 milhões, fora do limite prudencial determinado pela Lei de Responsabilidade Fiscal, que poderiam ser aplicados em um reajuste melhor para a Polícia Militar. “Descontando a inflação medida do ano passado (5,66%) dos 7% dados pelo governo, sobram só 1,34%”, calculou. O líder do governo na Casa, deputado Barros Munhoz, ao dizer que as polícias merecem um aumento maior, enfatizou que os inativos também precisam continuar recebendo os mesmos reajustes que os da ativa. Ele expressou ainda sua confiança no governador Geraldo Alckmin em reconhecer o valor dos que o tenham.

Outras galerias do plenário foram abertas para que todos acompanhassem em tempo real

Reportagens que foram ao ar :

http://globotv.globo.com/rede-globo/jornal-nacional/v/policiais-militares-e-civis-fazem-protesto-na-assembleia-legislativa-de-sp/2906186/

http://globotv.globo.com/globo-news/jornal-globo-news/v/votacao-para-aumento-do-salario-de-policiais-de-sao-paulo-e-adiada-para-quarta-feira-23/2906625/

http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2013/10/policiais-fazem-protesto-na-regiao-central-de-sao-paulo.html

Com o lema “vem...vem... vem  pra rua vem com a PM"!, diretores e associados da Associação dos Cabos e Soldados estão participando de  uma série de protestos  em todo o estado de São Paulo. As manifestações iniciaram logo após  o anúncio de reajuste feito pelo Governo do Estado, que ofereceu um aumento de  7% nos salários pagos para todas as carreiras policiais (incluindo os ativos e  os inativos), ignorando a proposta de reajuste de 15% feita pelos representantes  da categoria, o anúncio de Alckmin reforçou a crise, já existente.

Além da Associação dos Cabos e Soldados, as manifestações contam com a participação do Deputado Estadual Major Olimpio Gomes e demais entidades de classe.

___________________________________________________

ASSOCIADOS DOS CABOS E SOLDADOS SERÃO BENEFICIADOS EM AÇÃO DA URV

Em novembro de 2008 a ACSPMESP propôs duas ações contra o Estado, uma em favor dos policiais associados e outra em favor das pensionistas, visando a devolução dos valores referentes às perdas salariais decorrentes da conversão em URV, devidamente corrigidas.Leia mais  

LANÇAMENTO DE LIVRO NO GUARUJÁ "ATHOS E A FORÇA DE UMA VONTADE"

___________________________________________________

PRESIDENTE DA REGIONAL DE SANTOS DA ACSPMESP RECEBE HOMENAGEM.

"Vereador do PTB de Santos recebe comenda "Cruz de Malta" em reconhecimento pelos serviços prestados na área de segurança pública"Leia mais>>>

Na segunda sessão do ano da Câmara Municipal de Santos, o Vereador SÉRGIO SANTANA apresentou o requerimento nº 005/2013, solicitando ao Prefeito Municipal a implantação da Atividade Delegada no município de Santos. No dia 14/02/2013 o requerimento foi colocado em discussão na Câmara Municipal e aprovado pelos vereadores. No mês de junho o Prefeito Municipal encaminhou à Câmara o Projeto de Lei nº 122/2013 – “AUTORIZA A PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTOS A CELEBRAR CONVÊNIO COM O ESTADO DE SÃO PAULO, POR MEIO DA SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA, E CRIA A GRATIFICAÇÃO POR DESEMPENHO DE ATIVIDADE DELEGADA, NOS TERMOS QUE ESPECIFICA”. Após a segunda discussão na Câmara o projeto foi APROVADO. No dia 23/07/2013, o Prefeito Municipal de Santos, Paulo Alexandre Barbosa sancionou o Projeto na Sede da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar do Estado de São Paulo.

_____________________________________________________

Na última terça-feira, 09/04/2013, o Presidente Cabo Wilson Morais juntamente com os seus Diretores Edmilson Aparecido da Silva, Ronaldo Carlos Scheibel e Jefferson Cintra Barra, estiveram na Assembléia Legislativa de São Paulo. Além de se reunirem com os parlamentares, Cabo Wilson manteve audiência com o líder do Governo, deputado Barros Munhoz; deputado Zico Prado, do PT; Leci Brandão, do PC do B; Campos Machado, do PTB; entre outros parlamentares.

A preocupação do Cabo Wilson dizia respeito à incorporação do ALE (Auxilio Local de Exercício), sendo 50% no padrão e 50% no RETP, onde mais de 15 mil Policiais Militares seriam prejudicados com o projeto do Governo do Estado, devido algumas perdas em seus soldos. A intenção, segundo Cabo Wilson, é que haja reparação para os Policiais Militares que terão prejuízo. Em alguns casos, haverá perda de até R$ 150,00.

A Associação dos Cabos e Soldados vem reivindicando ao Líder do Governo, deputado Barros Munhoz, e aos demais líderes partidários que levem ao Governo do Estado a proposta. O Governo mandará outro projeto para a Assembléia Legislativa incluindo os Policiais Militares com perdas em seus soldos.   A incorporação do ALE visa a beneficiar os Policiais Militares da ativa, os inativos e as 32 mil Pensionistas. A Associação dos Cabos e Soldados sabe que este projeto não se trata de aumento, mas de equiparação de salários justos entre a categorias.

______________________________________________

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Queremos com a mesma transparência que sempre reinou em nossa Entidade, esclarecer alguns pontos de questionamento no meio de nossos associados. O primeiro ponto é que a Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar do Estado de São Paulo (ACSPMESP) não só divulgou, mas provou que a Ação de Recálculo Quinquenal e da Sexta Parte é fato; ou seja, todos os seus associados vinham recebendo desde Setembro de 2011 os valores recalculados da forma correta, incidindo também sobre o ALE e sobre a Insalubridade.

O fato de termos divulgado que ainda restam os valores atrasados desde a propositura da Ação, que é Agosto de 2008, não foi por mera deliberação da Entidade mas, sim, porque já havia sido expedido um Ofício da 8ª Vara da Fazenda Pública determinando os pagamentos dos referidos atrasados em 13/07/2012. Por sua vez, e pelo fato de ainda não haver sido cumprido tal Ofício, o Escritório do Dr. Negri peticionou o Juiz da 8ª Vara da Fazenda Pública, solicitando o envio de um novo Ofício, ratificando o enviado em 13/07/12 e que também pudesse deixar bem claro o período atrasado a ser pago.

Desta forma, acreditamos poder sanar as dúvidas e questionamentos dos nossos associados. Ao lado está a cópia, na íntegra, do novo Ofício expedido pela 8ª Vara da Fazenda Pública.

Marcelo Aparecido Camargo

Diretor Jurídico

PRECATÓRIOS

________________________________________________

R$ 287 milhões para precatórios

Medida autorizada pelo Governo do Estado permitirá praticamente zerar a fila dos precatórios de até R$ 500 mil

Governo estadual vai liberar R$ 287 milhões para pagamentos de precatórios alimentares. O decreto foi assinado no dia 2 de maio. O valor será suficiente para quitar cerca de 800 precatórios coletivos, que beneficiarão mais de 17 mil pessoas. 
Com essa liberação, o Governo do Estado praticamente acaba com R$ 287 milhões para precatórios da fila dos precatórios de até R$ 500 mil. 
O critério para a ordem de pagamento é o valor do precatório em ordem crescente. 
O dinheiro será repassado ao Tribunal de Justiça de São Paulo nos próximos dias. O Poder Judiciário é responsável pela organização da fila e pela efetivação do pagamento dos valores aos credores. Para 2013, a previsão é que seja aplicado valor correspondente a R$ 1,6 bilhão no pagamento de condenações judiciais. Isso equivale a 1,5% da receita corrente líquida do Estado. Outros R$ 400 milhões serão aplicados no pagamento de Obrigações de Pequeno Valor (OPVs). Precatórios alimentares – Os precatórios alimentares são créditos relacionados a indenizações de caráter pessoal, como os que dizem respeito a ações de servidores reivindicando diferenças salariais, pensões, entre outras. São diferentes de precatórios não alimentares, que, de maneira geral, estão relacionados a desapropriações 
ou indenizações por danos materiais.


Da Agência Imprensa Oficial e Assessoria de Imprensa da Procuradoria Geral do Estado

__________________________________________________

Ficará na história da Associação dos Cabos e Soldados que somente unidos seremos fortes, ontem dia 03/04/2013, o nosso Presidente Cabo Wilson Morais e o Diretores Edmilson Aparecido da Silva, Ronaldo Carlos Scheibel e Jefferson Cintra Barra, estiveram na Assembléia Legislativa de São Paulo, com o Deputado Major Olimpio para discutir sobre os 7.000 mil Policiais Militares que iriam ser prejudicados pelo Projeto do Governo referente ao ALE (Auxilio Local de Exercício), assim, depois de uma reunião com o Deputado, o Presidente Cabo Wilson pediu uma audiência com o Líder do Governo – Deputado Barros Munhoz, aonde foi colocado uma proposta do Presidente Cabos Wilson juntamente com o Deputado Major Olimpio, no sentido de estudar um “ABONO” para os 7.000 Policiais Militares que teriam inclusive prejuízo entre R$ 10,00 a R$ 50,00 reais. O Líder do Governo levará ao  Governador a proposta, entretanto, na noite de ontem os Lideres do Governo e dos Partidos reuniram-se para fechar questão em cima da nova proposta do Governo que será retificada e, ainda votar o projeto do ALE na integra sem as emendas na terça-feira do dia 09/04/2013.

________________________________________________

LEIA MAIS>>>

________________________________________________

NOTA DE FALECIMENTO

É com muito pesar que a Regional de Santos da ACSPM, comunica que faleceu em 25/03,  o Capitão PM Heleno Galante.  

______________________________________________________

ACS DISCUTE COM GOVERNO QUINQUÊNIO E SEXTA-PARTE

A MENSALIDADE DA ASSOCIAÇÃO DOS CABOS E SOLDADOS DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO (ACSPMESP) NÃO SOFRERÁ REAJUSTE PELA INCORPORAÇÃO PARCIAL DO ALE (Adicional de Local de Exercício) AO PADRÃO DO SOLDADO PM DE 1ª CLASSE.
A Diretoria Executiva da Associação dos Cabos e Soldados comunica que não haverá NENHUM REAJUSTE NA MENSALIDADE dos associados; o ato da Diretoria Executiva vai contrariar o artigo 8º do Estatuto Social da Entidade, que diz: “a mensalidade corresponde a 4% (quatro por cento) do padrão do soldado PM de 1ª classe”. Por ser uma Entidade Classista, que sempre lutou para ter reconhecido o ALE como salário, é que a Diretoria Executiva deliberou e reconheceu que este não é o momento para trazer quaisquer ônus para os seus associados, principalmente no que tange à mensalidade. A Diretoria Executiva da ACS sabe que a vitória junto ao Judiciário Paulista fez com que o Governo do Estado reconhecesse o ALE como vencimento e, com isso, o obrigou a estender este benefício para todos os Policiais Militares (ativos, inativos e pensionistas). A mensalidade da Associação dos Cabos e Soldados tem o menor valor dentre as demais Entidades representativas da Policia Militar do Estado de São Paulo. Nossa luta continua e não abriremos mão de nossos direitos já conquistados em decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo, momentaneamente interrompidos por força de liminar do Supremo Tribunal Federal (STF). O Departamento Jurídico da Associação dos Cabos e Soldados acompanha junto ao STF o desenrolar da nossa ação e, em breve, acreditamos que teremos êxito nesta empreitada.

A Diretoria

ACS - 15/01/2013

 

                                                                                                                                 INAUGURAÇÃO DA NOVA COLÔNIA 

Cabo Wilson, presidente ACSPMESP, Cabo Milton, presidente R/01 – São José dos Campos e demais diretores da ACSPMESP na inaguração oficial da nova colônia

A mais recente conquista da Associação dos Cabos e Soldados é a aquisição da Colônia de Férias na Praia da Lagoinha, em Ubatuba, litoral Norte, de São Paulo. Trata-se de condomínio com nove casas mobiliadas que oferece total infra-estrutura e conforto ao associados e seus familiares. Cada casa possui churrasqueira, dentro do condomínio duas piscinas e fica há 400 m da praia. A Lagoinha tem cerca de 3 Km de extensão e, junto com as praias do Sapê e Maranduba, forma a maior faixa contínua de praia de Ubatuba, totalizando 7 Km. A areia é bem compactada e as águas calmas, sendo indicada para banho e esportes náuticos. A Lagoinha possui boa infra-estrutura comercial devido à vizinhança com o centro de Maranduba; é muito fácil o acesso aos inúmeros restaurantes, lojas, farmácias, postos de gasolina, bancas de jornal, Et cetera. Se você não é associado, não perca tempo, venha e traga à sua família. A Associação dos Cabos e Soldados trabalha 24 horas por você. Para reservas, ligue 12.3632-4700 (Núcleo Taubaté) ou para a Regional de São José dos Campos, (12) 3933-7736.

 

ELES PROTEGEM, MAS FICAM DESPROTEGIDOS

Leia a matéria completa do jornal Atribuna de Santos.Policiais atacados em horário de folga perdem direitos, como seguro invalidez e de vida. Resta a luta para fazer justiça.

 

fonte:http://www.jornaltema.com.br/

________________________________________________

No dia 27 de maio, cerca de 200 pessoas entre associados e familiares se reuniram na sede da Regional de Santos da Associação dos Cabos e Soldados para uma animada tarde em comemoração ao Dia das Mães.

A festa foi um sucesso: a equipe de diretores e funcionários preparou várias surpresas, entre elas o grupo musical “2+1”, com destaque ao cantor Kleber que realizou um verdadeiro show ao interpretar as músicas de grandes artistas.

Durante o evento foram sorteados vários prêmios para as mulheres, e os convidados tiveram ainda um delicioso café da tarde, carinhosamente preparado pela equipe do mestre Albim.

Foi montado ainda um espaço de estética por consultores da empresa "Mary Kay", que atendeu gratuitamente todas as que desejaram dar um “tapinha” no visual, com uso de produtos faciais e maquiagem.

“O presidente da Regional, Sérgio Santana, agradeceu o apoio das empresas e convênios que contribuíram com a doação de brindes e prêmios.

COLABORADORES:

_____________________________________________

Grupamento de Bombeiros Marítimo - GBMAR realizou a solenidade de entrega de medalhas Valor Militar, Láureas de Mérito Pessoal e Medalha Mérito do Salvamento Aquático aos Guarda-Vidas do litoral centro. Uma justa homenagem a quem dedica sua vida a proteger vidas.

O evento foi prestigiado pelo Presidente da Regional de Santos da ACSPMESP, Sérgio Santana e pelo Presidente da COOPERACS, José Luiz de Lira que participaram da entrega das medalhas aos agraciados .veja outras imagens do evento

____________________________________________

Jantar em homenagem ao Cel. Alvaro Batista Camilo no Clube Estrela de Ouro

________________________________________________

 

A Regional de Santos da Associação dos Cabos e Soldados apoia o

Projeto Salve uma Vida”

Você já pensou em ser um doador de medula óssea?

Com um cadastro de1,6 milhões de

 pessoas,o Brasil é o terceiro pais com maior registro de doadores de medula óssea voluntários. Apesar disso, mais de 2.500 pacientes não encontraram um doador na família e aguardam alguém 100% compatível.

Em visita a nossa Sede Suely Walton(foto), primeira pessoa no país a doar medula para alguém compatível  fora da família, conversou com nosso Presidente Sérgio Santana da importância de ser um doador. Hoje Suely faz campanha para aumentar o número de cadastros no banco de medula do país.”As pessoas tem medo de doar porque acham que vai doer, mas a dor é pequena e é minimizada pelo sentimento gratificante de doar. Doe por amor e não pela dor”. Suely já doou medula duas vezes.

Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos, com boa saúde, pode doar medula óssea. É possível se cadastrar como doador voluntário de medula óssea em campanhas ou em Hemocentros na sua cidade. (Hospitais: Guilherme Álvaro, Cubatão e Beneficência Portuguesa de Santos) Assista o video do Bom Dia Brasil  

 ___________________________________________________

 AÇÕES ACS BENEFICIAM TODOS OS PMs

A Associação dos Cabos e Soldados vem, de forma imperativa, representando além de seus associados, todos os Policiais militares do Estado.leia mais>>>

_____________________________________________________

COM

ANDO GERAL ATENDE NOVA REIVINDICAÇÃO DA ACS 

 08/04/2011

Diária de Alimentação, mais uma conquista pela dignidade policial.

Policial Militar

O nosso Governador Geraldo Alckmin e o nosso Secretário Antônio Ferreira Pinto, atendendo a um pedido do Comando Geral, estendeu a Diária Alimentação aos policiais militares. O objetivo de Valorização foi mais uma vez ratificado pela assinatura do Decreto de Diária de Alimentação reajustando o valor de R$ 2,00 para R$ 20,00. Mais de 75 mil policiais militares serão beneficiados, principalmente os da atividade fim: o policiamento. Sempre lutaremos pela dignidade do policial, contudo, relembro que valorização caminha junto com a responsabilidade pessoal de cada um, tornando concreta cada ação legítima de todos os policiais militares. Faça a sua parte, trabalhando de acordo com a Lei, com as Normas, fazendo valer o juramento que fez. Lembre-se que a população precisa de seu trabalho e a sua família espera por seu retorno. Concito todos a internalizar esse pensamento de pertencimento, traduzindo em ações de excelência no atendimento ao cidadão, nosso maior patrimônio. Faça a diferença no seu trabalho. Acredite que sempre é possível fazer mais e melhor.

Conte sempre com o Comando!

ALVARO BATISTA CAMILO

Coronel PM Comandante Geral

Polícia Militar inicia registro de boletins de ocorrências em seus batalhões

Com o intuito de desafogar as delegacias do Estado de São Paulo e agilizar a apuração de crimes, a Polícia Militar começou a realizar boletins de ocorrências (BO) em seus batalhões. O serviço só está disponível, porém para determinados delitos. 

O comandante da PM na Baixada Santista, coronel Sérgio Del Bel, informou que, por enquanto, interessados devem ir até os batalhões para fazer o registro de ocorrência. Em breve, no entanto, o oficial afirma que o serviço será desenvolvido também por viaturas da corporação. 

A medida passa a valer para ocorrências que já eram atendidas pela Delegacia Eletrônica: furto de veículos, desaparecimento e encontro de pessoas, furto e perda de documentos, celulares e placas de veículos. 

“As ocorrências que exigem investigações detalhadas e perícias continuarão sendo registradas apenas pela Polícia Civil”, disse o comandante da PM na região. 

fonte: Jornal Atribuna.

______________________________________________________


REUNIÃO ENTRE OS COMANDANTES DE BATALHÕES DA ÁREA DO CPI-6 COM A DIRETORIA DA ACSPMESP

No dia 23 de Julho ocorreu um café da manha entre os diretores da ACSPM e os comandantes de Batalhões da área do CPI-6, o evento serviu para implementar a política de Valorização do Policial Militar, na ocasião o presidente da Regional de Santos da ACSPM Sérgio Santana citou algumas vitórias conquistadas pela entidade, principalmemte no campo jurídico onde a entidade impetrou o Mandado de Segurança Coletivo para assegurar aos associados o recálculo dos adicionais por tempo de serviço e a sexta parte, para que passem a incidir sobre os vencimentos integrais, alem disto foi comentado a luta da entidade pela aprovação da PEC 300. O Comandante do CPI-6 Cel PM Sérgio Del Bel, reiterou a importância da representatividade das entidades de classe, destacando a atuação da Associação dos Cabos e Soldados.
___________________________________________________

ASSOCIADOS SÃO HOMENAGEADOS DURANTE REUNIÃO MENSAL

Todos os meses na primeira terça-feira, às 15:00 hs. Realizamos uma reunião com os associados, onde discutimos assuntos de interesse da categoria, Na reunião deste mês alguns associados foram agraciados com a medalha de sócio fundador.

___________________________________________________

PEC 300

N0 dia 20 março 2010,  recebemos a visita do jogador do Santos FC Paulo Henrique "Ganso".Na ocasião pedimos o apoio do craque Santista para divulgar a nossa luta pela aprovação da PEC 300.
___________________________________________________

Homenagem na Casa da Madeira

 

No dia 28 de Fevereiro 2010, o Presidente Regional Sérgio Santana foi homenageado pela Casa da Madeira de Santos,  pelo exemplo de serviços prestados pela nossa entidade à Segurança da Sociedade e pela luta travada buscando o bem-estar de todos os policiais.
A Associação aproveitou a oportunidade para retribuir a atitude da Casa e seus diretores, dando também as boas vindas ao novo Presidente da Casa da Madeira, Sr. Armindo Cortê.

 --------------------------------------------------------------------------------------------

No dia 27 de Novembro a Diretoria Regional da Associação dos Cabos e Soldados prestigiou o Jantar em comemoração ao 179º Aniversário da Polícia Militar do Estado de São Paulo, que foi realizado no Mendes Convention Center e promovido pela Associação dos Amigos do 6º BPM-I

 

 
 
 

Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Adesões na Secretaria Regional (13) 3227-0881

 

Vídeos

  • Adicionar vídeo
  • Exibir todos

 

NOTÍCIAS

A COOPERACS realiza sorteios da campanha “COOPERADO AMIGO” Leia mais>>>

________________

TROTE TERÁ MULTA

TROTE À POLÍCIA: LEI ENTRA EM VIGOR EM 90 DIAS Leia Mais>>>

_________________

 

Últimas atividades

Ícone do perfilEdivaldo Bonini Ferreira da Silv e adilson souza frança entraram em Associação dos Cabos e Soldados da PMESP
segunda-feira
edson pereira é agora um membro de Associação dos Cabos e Soldados da PMESP
13 Ago
anoel de oliveira é agora um membro de Associação dos Cabos e Soldados da PMESP
11 Ago
Diexon Fogaça de Castilho é agora um membro de Associação dos Cabos e Soldados da PMESP
7 Ago

© 2014   Criado por ACSPM - R/4.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço